Humildade… o reflexo da santidade

Imprimir
O orgulho é a raiz de todo pecado e mal.
Quando Satanás exalou seu veneno do orgulho, o homem caiu em desgraça.
A redenção tem de ser a restauração da humildade perdida.
Jesus a trouxe de volta à terra: Ele se humilhou a Si mesmo nos céus e se fez homem.

A ausência de orgulho é a marca principal de um homem santo.
A mansidão e a humildade são os aspectos distintivos do discípulo de Jesus.
Pois estas foram as marcas principais do Mestre.
A humildade não virá por si mesma. Ela deve ser o objeto de especial desejo, oração, fé e prática.

Nenhuma árvore pode crescer se não for na raiz da qual brotou.
Da raiz de Adão floresceu homens cheios do orgulho lançado pelo inferno em seus corações .
Da raiz de Jesus floresceu homens cheios de uma humildade real e permanente.
A própria vida de Deus.

Andrew Murray (1828-1917)

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.