Evidências da Humildade

Imprimir
  • Você reconhece e confia no caráter de Deus.
  • Você vê a si mesmo como não tendo o direito de questionar ou julgar um Deus Todo-Poderoso e perfeito.
  • Você tem Cristo como a única referência. Sua vida é Centralizada em Cristo.
  • Você ora biblicamente e de forma intensa.
  • Você é consciente de sua falência e de que é alvo da imerecida benignidade e graça de Deus.
  • Você é cheio de gratidão.
  • Você é manso e paciente.
  • Você não se vê como melhor que os outros.
  • Você tem uma exata visão de seus dons e habilidades. Não os vê maior do que são.
  • Você é um bom ouvinte.
  • Você conversa sobre os outros somente o que é bom ou que seja para o bem deles.
  • Você se submete e obedece às autoridades de forma voluntária.
  • Você prefere honrar os outros em lugar de honrar a si mesmo.
  • Você é agradecido pelas críticas e repreensões recebidas.
  • Você é alguém que pode ser ensinado.
  • Você busca sempre fortalecer os outros.
  • Você tem prazer em servir os outros.
  • Você é rápido em admitir quando está errado.
  • Você é rápido em conceder perdão e pedir perdão.
  • Você tem um coração sempre contrito e pronto para o arrependimento.
  • Você minimiza os pecados dos outros ou os torna pequenos quando pensa em sua própria debilidade.
  • Você fica verdadeiramente feliz quando os outros são abençoados.
  • Você é transparente e honesto sobre as áreas de sua vida que precisam crescer.
  • Você tem relacionamentos próximos, pois ama os outros e sabe que precisa deles.
  • O humilde tem sua confiança totalmente depositada em Cristo. O orgulhoso é cheio de autossuficiência.
  • O humilde busca somente a honra que vem de Deus. O orgulhoso busca honras humanas ou a si mesmo concede honras.
  • O humilde conhece sua fragilidade e busca tudo de Deus. O orgulhoso confia na sua própria força e nas suas próprias habilidades.
  • O humilde tem um coração de servo, tal como Jesus. O orgulhoso atribui a si mesmo a condição de mestre.
  • O humilde se vê como o menor. O orgulhoso se vê como o maior.  
  • O maior desejo do humilde é ver Deus sendo glorificado em sua vida. O maior desejo do orgulhoso é a sua própria exaltação.

Então Jesus, chamando-os para junto de si, disse: Bem sabeis que pelos príncipes dos gentios são estes dominados, e que os grandes exercem autoridade sobre eles. Não será assim entre vós; mas todo aquele que quiser entre vós fazer-se grande seja vosso serviçal;  E, qualquer que entre vós quiser ser o primeiro, seja vosso servo; Bem como o Filho do homem não veio para ser servido, mas para servir, e para dar a sua vida em resgate de muitos. (Mat. 20:25-28)


Este texto é um resumo sintético de parte do livro “From Pride to Humility” de Stuart Scott.


Leia também: Evidências da Soberba (Stuart Scott)


 

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.